Pular para o conteúdo
Imagem: Até 2025, GPA espera alcançar 50% de mulheres em cargos de liderança

No GPA as mulheres representam 55% do quadro de funcionários, destas 41% estão em cargos de liderança e a meta é alcançar 50% até 2025. Desde 2019, a varejista conta com um programa de desenvolvimento exclusivo para lideranças femininas. E já foram treinadas mais de 1.800 mulheres, onde 37% foram promovidas para cargos de liderança. Com previsão de abertura de 168 novas lojas até 2026, o desejo do grupo é de que 50% das novas posições sejam ocupadas por mulheres. Nos últimos anos, o tema de equidade racial, faz parte de um dos cinco temas prioritários da companhia.

06/03/24

Imagem: Livia Chanes é a nova CEO da operação brasileira de Nubank

O banco digital Nubank nomeia Livia Chanes como CEO da operação Brasil. A executiva, que está na empresa desde 2021, começou sua jornada como vice-presidente de produtos, e assumiu a operação brasileira no segundo semestre de 2022. Sob sua liderança, o Nu Brasil conquistou 20 milhões de novos clientes e lançou mais de 50 novos produtos e serviços. Já a co-fundadora e CGO Cristina Junqueira, segue responsável pelo crescimento geral da companhia, com foco redobrado na estratégia de expansão internacional.

24/01/24

Imagem: Participação feminina chega a 50% no Grupo Reckitt Brasil

O Grupo Reckitt anuncia que 50% do total da liderança da companhia é composta por mulheres e uma das ambições é equilibrar a participação feminina em todas as esferas do negócio. De acordo com Flávia Porto, diretora de recursos humanos da operação comercial da Reckitt, o número foi alcançado seis anos antes da ambição global da empresa. Para alcançar essa meta de 50% de mulheres na alta liderança, foram implementadas quatro iniciativas: Mulheres em todas as áreas, Gender Pay Report, Processos seletivos mais inclusivos e Comitê Local de Diversidade & Inclusão.

08/03/24