Pular para o conteúdo
Imagem: Com investimento de R$ 45 milhões, Kicaldo prepara nova fábrica em Feira de Santana (BA)

A Kicaldo, empresa produtora de grãos e farináceos, inicia 2024 investindo R$ 45 mihões em sua nova fábrica - que está em construção - e ficará localizada em Feira de Santana, na Bahia, com inauguração prevista para agosto de 2024. Segundo informações do portal Exame, a nova planta industrial será totalmente automatizada, desde a chegada do feijão da lavoura até a expedição, e terá robôs que farão a paletização das cargas e a seleção de grãos. A expectativa da Kicaldo é que a nova fábrica também abra espaço para a diversificação do portfólio, aumentando as vendas de produtos como ervilha, lentilha, grão de bico, farináceos de mandioca e milho de pipoca.

03/01/24

Imagem: Ruptura nos supermercados diminui em junho

Em junho, o índice de ruptura, que mede a falta de produtos do varejo alimentício, teve redução de 0,7% no Brasil, na comparação com o mês anterior, atingindo 13,7%. Em maio, o índice era de 14,4%. Os dados fazem parte de um estudo da Neogrid, que desenvolve soluções para a gestão da cadeia de consumo, e da Horus, empresa de inteligência de mercado. Itens como açúcar e café estiveram mais ausentes das prateleiras no período. Já produtos como arroz e feijão seguem em uma diminuição de falta nas gôndolas desde abril. A pesquisa também aferiu o preço desses alimentos e constatou que apenas o feijão teve queda no valor de venda (-3,6% por quilo no mês de junho. em relação a maio).

26/07/23

Imagem: Lucro líquido da Camil aumenta 22%

De março a maio, o lucro líquido da Camil Alimentos atingiu R$ 78,5 milhões, com alta de 22,6% em relação ao mesmo período do ano passado. A receita líquida ficou em R$ 2,9 bilhões, crescimento de 9%.

15/07/24

Imagem: Camil une arroz e feijão em uma embalagem

A Camil, que atua na categoria de grãos, criou a embalagem "dupla inseparável", que une arroz e feijão no mesmo pacote. A novidade não será distribuída aos pontos de venda e foi desenvolvida exclusivamente para uma campanha, que conta com a participação do ator Babu Santana e da digital influencer Pequena Lô. Segundo a Camil, o objetivo é brincar com o questionamento "feijão por cima ou por baixo do arroz?". "A ação promove uma discussão descontraída sobre jeitos e formas de consumir esses alimentos que formam a base da alimentação da mesa dos brasileiros", comenta Fernando Carvalho, Gerente de Marketing Grãos da Camil Alimentos.

05/06/23

Imagem: Arroz e Feijão Ficam 60% Mais Caros

De acordo com um levantamento do FGV IBRE, o arroz e o feijão ficaram mais de 60% mais caros nos últimos doze meses. O reajuste ficou dez vezes acima da inflação média apurada pelo IPC/FGV (6,1%). O arroz subiu 60,8% no período pesquisado e o feijão quase 9 pontos percentuais a mais (69,1%). O total da cesta do prato feito (composta por dez itens) apresentou variação média de 23,2%, com destaque para o aumento das proteínas: carnes bovinas (27,2%), frango (13,9%) e ovos (10%). Entre os alimentos in natura, as maiores altas foram da cebola (41,1%) e da batata (19,4%). O único produto que baixou de preço foi o tomate, com queda de 24,6%.

26/04/21

Imagem: Camil Busca Melhor Arroz e Feijão

A Camil promove a partir de hoje, 15, até o dia 20 de dezembro, a campanha "Camil: em busca do melhor arroz com feijão do Brasil". A ação contará com uma série de etapas classificatórias que irá escolher por meio de votação popular e de especialistas o autor do melhor prato de arroz e feijão, que será premiado com R$ 100 mil. Para engajar os consumidores, a Camil aposta em presença no ponto de venda, com embalagens promocionais e comunicação visual. O ator Mateus Solano irá estrelar a campanha.

15/09/15