Pular para o conteúdo
Imagem: Pão de Açúcar e bandeiras de proximidade impulsionam GPA

As vendas totais do GPA atingiram R$ 4,9 bilhões no primeiro trimestre de 2024, o que representou um aumento de 8,2%. Destaques para a bandeira Pão de Açúcar, que teve crescimento de 10,3%, e para o formato proximidade, com aumento de 22,8%.

08/05/24

Imagem: Casas Bahia fecha acordo para recuperação extrajudicial

O Grupo Casas Bahia anuncia ter fechado um acordo de recuperação extrajudicial com seus principais credores: Bradesco e Banco do Brasil. As dívidas chegam a R$ 4,1 bilhões. Com o acordo, a varejista espera preservar R$ 4,3 bilhões de caixa até 2027, sendo R$ 1,5 bilhão somente em 2024.

29/04/24

Imagem: Americanas quita dívidas de R$ 8,6 bilhões

A Americanas avança em seu processo de recuperação judicial com a conclusão do processo de leilão reverso para o pagamento dos credores. No total, a varejista conseguiu quitar R$ 8,6 bilhões em dívidas, após aceitar propostas com descontos a partir de 73,1%.

28/05/24

Imagem: Grupo Petrópolis tem novo plano de recuperação judicial

O Grupo Petrópolis, dono de marcas como Itaipava, Crystal e Petra, apresentou uma segunda proposta de plano de recuperação judicial, para o pagamento de dívidas de R$ 5,5 bilhões. O documento prevê continuidade das operações e inclui medidas como venda de unidades produtivas isoladas (UPIs), como parte da frota de caminhões e dos ativos de energia; prazos de pagamento de dívidas até 2035; e captação de recursos junto a credores, instituições financeiras ou investidores. O primeiro plano de recuperação judicial da cervejaria foi apresentado em maio, mas representantes do Grupo Petrópolis solicitaram adiamento para apresentação de um novo documento.

08/09/23

Imagem: Americanas é autorizada a fazer financiamento bilionário

A Justiça do Estado do Rio de Janeiro autorizou o financiamento extra solicitado pela Americanas no dia 31 de janeiro. O financiamento vai ser estruturado na forma de emissão de debêntures (título de dívida que gera um direito de crédito ao investidor), com disponibilização de 2 mil debêntures de R$ 1 milhão cada, totalizando R$ 2 bilhões. Segundo a varejista, os recursos têm como objetivo ajudar a manter o funcionamento de seus negócios, além de reforçar seu fluxo de caixa e sua liquidez. "Em conjunto com outras fontes de recursos que estão sendo exploradas pela companhia, permitirá manter os investimentos em capital de giro."

10/02/23

Imagem: Refis Chega às PMEs

O Congresso Nacional aprovou o projeto que estende aos pequenos negócios o Refis - programa que facilita a renegociação de dívidas tributárias com a Receita Federal. Os benefícios, que já eram aplicáveis às grandes empresas, incluem o aumento no número de parcelas para quitação das dívidas com o governo, de 60 para 175 vezes, com redução de juros e multas. Empresários donos de PMEs têm até o dia 9 de julho para aderir ao parcelamento, seguindo procedimentos técnicos, formulários e dados que os empresários devem preencher.

25/05/18