Pular para o conteúdo
Imagem: Comemorações de dezembro aquecem alimentação dentro e fora do lar

O consumo de mercearia doce, mercearia salgada e commodities apresentou crescimento em dezembro frente aos demais meses. Respectivamente, foram registradas altas de 12%, 9% e 7% em unidades na comparação entre 2019 e 2022. É o que mostra um levantamento feito pela Kantar. A recuperação de alimentos no último mês de dezembro ocorreu de forma generalizada, ficando acima de 20% na comparação com os demais meses. O canal de compra de mais importância foi o atacarejo, que passou de 17% de importância em unidades em 2021 para 19% no ano seguinte. Vale destacar também que os lares gastaram 26% a mais no último Natal.

12/12/23

Imagem: Alta no setor de alimentos puxa inflação de dezembro para 1,20%

A inflação registrada no mês de dezembro de 2023 chegou a 1,20%, resultado influenciado pela alta no setor de alimentos (1,50%). Esses são dados do Índice de Preços dos Supermercados (IPS), calculado pela Associação Paulista de Supermercados (APAS) em parceria com a Fipe. O levantamento ainda revelou que os produtos in natura apresentaram a maior inflação no mês (6,33%), seguidos por bebidas não alcoólicas (1,52%), produtos semielaborados (0,89%), industrializados (0,80%) e bebidas alcoólicas (0,74%). Indo no sentido contrário, houve deflação mensal nos artigos de limpeza (0,44%) e higiene e beleza (0,21%).

18/01/24