Pular para o conteúdo
Imagem em destaque

Viva Personas

Associação Viva e Deixe Viver

O projeto Viva Personas foi criado para possibilitar a continuidade do trabalho de contação de histórias a crianças e adolescentes internados nos hospitais, atividade interrompida com o início da pandemia. Impedidos de entrar em cerca de 90 hospitais que frequentavam regularmente, os 1,3 mil contadores de histórias voluntários da Associação Viva e Deixe Viver foram obrigados repentinamente a deixar de narrar, brincar e explorar a ludicidade para despertar a magia da literatura nos pequenos, suas famílias, profissionais da saúde e da educação. Para preencher essa lacuna, artistas e personalidades das mais diversas áreas foram convidadas a fazer parte do projeto Viva Personas, gravando um vídeo em sua própria casa contando uma história infantil.

Ao compartilhar os vídeos no site Bisbilhoteca Viva, atingiram crianças isoladas socialmente neste momento, afastadas das escolas e também de pais atuantes na área médica. Entre as personalidades que aderiram ao projeto Viva Personas estão Claudia Raia, Emicida, Antonio Fagundes, Fábio Porchat, Sophia Abrahão, Zeca Baleiro, Zizi Possi, Isabela Fiorentino, João Signorelli, Rachel Sheherazade, Nadja Haddad, entre tantas outras. Com essa estratégia, multiplicam o alcance de seu trabalho, com possibilidade de transmitir carinho, afeto e esperança a todas as crianças brasileiras. A ação também fortalece a marca Viva e Deixe Viver junto à sociedade e mantém o corpo de voluntariado engajado. Assista na TV Giro News!

29/07/2020

Compartilhar

Notícias em destaque